galpão.jpg

curso 

corpos no espaço da cidade

um diálogo e vivência em Presidente Prudente​

organização

Amanda Rosin       

Paula Santoro

Larissa Lacerda

convidadas

Diana Helene, Jacqueline Moraes Teixeira,

Quilombo de Dandará por Alli Black e Fabiana

08 | 15 | 22 | 29 de abril

quintas – 10h ao 12h

amanda pb.png
larissa pb.png
paula pb.png
IOC7.png

O projeto se manifesta pela premiação da Lei Aldir Blanc - EDITAL N° 007/2020 na cidade de Presidente Prudente – SP, adaptado para o modo remoto, por conta da pandemia da  Covid-19.

 

justificativa

A cidade não é feita a partir do ser não normativo, mas sim pela normatividade imposta por um “cishéteropatriarcado” segundo Carla Akotirene, que constrói, concebe e fundamenta a nossa sociedade e o espaço no qual ela se insere. Assim entender aspectos de raça, classe, gênero e interesccionalidade é fundamental para repensar, e construir outros olhares sobre os demarcadores de territórios da cidade.

 

Portando o curso ao envolver aulas introdutórias e conceituais, discussão acerca da prostituição e demarcações de grupos que lutam e resistem por se reconhecerem, demarcarem e performar na cidade é um meio de expressão e vivência no espaço urbano. Com um ensejo de trazer a reflexão e ação para Presidente Prudente – SP é  de fundamental importância os participantes trazerem suas experiências e compartilharem, como um local de troca e acolhimento.

 

objetivo

O curso visa compreender as dimensões dos corpos não normativos no espaço público, a partir da introdução de conceitos de gênero, e corpos de acordo com Judith Butler, além do reconhecimento dos territórios demarcáveis na cidade e onde se expressam como forma de acolhimento e resistência.  Portanto, esses 4 módulos se inserem em um contexto de grande reflexão, afirmação e reconhecimento do ser, que no caso se dá no interior do estado de São Paulo, que é sempre reprimido ou adequado para que se encaixe na sociedade.

 

Como mediadora

Amanda Rosin, arquiteta e urbanista formada pela FCT UNESP [2019] e mestranda do PPGAU no IAU-USP. É certificada no curso de Communication, Design and Innovation pela California State University Northridge - CSUN. Estuda os temas gênero, planejamento e mobilidade urbana.

 

Larissa Lacerda é cientista social formada pela FFLCH - USP e mestra em Planejamento Urbano e Regional pelo IPPUR - UFRJ. Atualmente, é doutoranda no departamento de Sociologia, da FFLCH - USP, pesquisadora do Grupo Cidade e Trabalho e do LabCidade FAU USP, onde integra o grupo de pesquisa Cidade, Gênero e Interseccionalidades.
 

Paula Santoro é arquiteta urbanista e professora formada pela FAUUSP [1997] onde leciona as disciplinas de Planejamento Urbano do Depto. de Projeto da mesma instituição. Atualmente coordena projeto observaSP junto ao LabCidade FAUUSP e coordena grupo de pesquisa CNPq envolvendo pesquisadores do LabCidade FAUUSP, Praxis e Indisciplinar da UFMG e Lugar Comum da UFBA. Tem experiência na área de Arquitetura e Urbanismo, atuando principalmente nos seguintes temas: Plano Diretor, Planejamento Territorial, Meio Ambiente, Urbanismo, Plano Urbano, Gestão Social da Valorização da Terra, Mobilidade Urbana, espaço público/ comum.​
Foto: Vanessa Ferrari

datas

8,15, 22 e 29 de abril

quintas feiras - das 10h ao 12h

*as aulas depois serão arquivadas no youtube da escola

**terá certificado de participação ao final do curso com75% de presença

programação

O curso é divido em 4 aulas, de 2 horas cada.  módulos, cada um de 4 horas/aula.

programação

08 abr, qui, 10h-12h | Aula 1 – Introdução conceitos gênero e interseccionalidades

 

15 abr, qui, 10h-12h | Aula 2 – Vivência dos corpos, performatividade em Butler
convidada Jacqueline Moraes Teixeira

 

22 abr, qui, 10h-12h | Aula 3 – Territórios demarcáveis e os territórios da prostituição

convidada Didiana Helene

 

29 abr, qui, 10h-12h | Aula 4 – Territórios de afetos e resistência

convidada quilombo de Dandara por Alliblack e Fabiana Alves

investimento

25 vagas

com confirmação das vagas seguindo a lista de interesse.

público alvo 

alunos a partir de 18 anos, com busca de conhecimento, compartilhamento de experiências e ​profissionais e pesquisadores da área.

 

material de apoio para download
em breve aqui

local 

google meet será enviado com a confirmação da vaga ​

informações

contato@escolaabertanogalpao.com

amandarosin.o@gmail.com

LOGOMARCAS sem fundo.jpg.png